Já falamos por aqui sobre o que é integração de sistemas e migração de dados, mas nada seria possível sem um integrador de sistemas. Por isso, hoje nosso artigo é sobre SI e suas funções.

Em termos amplos no mundo de TI, um Integrador de Sistemas (“SI”) é a quem faz a implementação, planejamento, coordenação, programação, teste, melhoria e, às vezes, manutenção de sistemas de TI.

No entanto, em termos de integração de sistemas, o papel do integrador se restringe a possibilitar as integrações de dados entre os diferentes sistemas existentes do cliente final, definidos no escopo do projeto.

Isso pode significar qualquer coisa, desde simples conexões ponto a ponto internas até integrações muito complexas, tanto internamente quanto com terceiros.

Nesta equação, o integrador de sistemas projeta, implementa e testa a solução de integração, além de incluir o gerenciamento contínuo das soluções, bem como o contato com terceiros para permitir conexões com eles.

Projetar, implementar e integrar soluções

Os integradores de sistemas criam, desenvolvem, sintetizam e executam soluções tecnológicas adaptadas às demandas de uma organização.

São eles que avaliam e autenticam o software com outros especialistas em tecnologia da informação para garantir a adequação antes de integrá-lo ao sistema primário e à infraestrutura de rede da organização.

Além disso, os responsáveis pela área criam planos de trabalho para os membros da equipe e produzem planos de engenharia, instruções técnicas, desenhos técnicos e outras documentações relevantes para a integração do sistema.

Auxiliar no suporte ao cliente e soluções

Os trabalhos em integração de sistemas são altamente técnicos e precisam de alguém com experiência prática trabalhando com clientes.

Eles são responsáveis por avaliar e sugerir opções de integração com base nas necessidades e preferências do cliente.

Você pode esperar uma colaboração frequente com a gestão, administração e departamento jurídico da organização (considerando a LGPD) para garantir que as soluções propostas atendam aos padrões legais.

Documentando o processo

Um integrador de sistemas faz a curadoria de documentos e dados relacionados aos princípios de integração.

Além de produzir documentação relativa à instalação, teste e administração do sistema. Também fornece a documentação necessária, evidenciando os resultados dos testes de integração, desempenho e validação. Isso permite um melhor rastreamento e entrega a longo prazo.

Agora queremos saber de você. Como anda a integração de sistemas dentro da sua empresa? Se você precisa de ajuda, conte com o Grupo LPJ para te ajudar. Fale conosco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.